Newcastle ama Gonçalo Inácio e pode gerar cláusula de rescisão de € 60 milhões

Bruno Fernandes, repórter do “Record”, um dos três principais jornais de Portugal, divulgou notícias sobre o jogador português Gonçalo Inácio. O conteúdo mostra que o Sporting CP aguarda ofertas de outros clubes pelo defesa-central Gonçalo Inácio e a equipa já não insiste em mantê-lo.

O mundo exterior prevê que Gonçalo Inácio seja negociado na janela de inverno. Existem atualmente muitas equipas interessadas neste defesa-central, mas isso também leva à possibilidade de taxas de rescisão mais elevadas. O Sporting CP também está ciente do interesse do mundo exterior neste defesa-central, pelo que já está à espera de potenciais ofertas. Mas para o Sporting CP, a verba de rescisão de Gonçalo Inácio pode subir de 45 milhões de euros para 60 milhões de euros. A atitude do Sporting CP também é óbvia. A taxa de rescisão é a oferta.

Quem é mais contactado agora é o Real Madrid. O Arsenal também é falado em conjunto, mas o Newcastle também está em melhor posição na competição e pode até fazer uma oferta em janeiro. No dia 14 de dezembro, a mídia divulgou a notícia de que o Newcastle realizou inspeções frequentes na última temporada, indicando que o Newcastle assistiu ao jogo da Liga Europa entre Sporting CP e Sturm Graz, principalmente para ver a atuação de Gonçalo Inácio.

Mas outro problema é que o treinador do Sporting CP, Ruben Amorim, ainda é informado pelos seus superiores que Gonçalo Inácio não será vendido a ninguém em Janeiro, mas se equipas como o Newcastle realmente acionarem a cláusula de rescisão, então o Sporting CP terá não há outra maneira senão entregá-lo a outros. Depende de qual dessas equipes está disposta a gastar o dinheiro.

Gonçalo Inácio é um jogador versátil. As capacidades defensivas que demonstra em campo e a preparação física vista pelo mundo exterior são ambas muito boas. É por isso que ele atrai muitos gigantes do futebol. Não sei para onde ele irá em seguida.

Deixe um comentário